Novembro Azul

Comissão de Valores Mobiliários

Você está aqui:

Notícias

25/03/2020

Coronavírus: CVM atua alinhada com IOSCO e práticas internacionais

Organização reforça compromisso com continuidade do funcionamento dos mercados de capitais

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) está alinhada com o posicionamento da Organização Internacional das Comissões de Valores (IOSCO) frente à pandemia da Covid-19 (Coronavírus).

Nesta quarta-feira, 25/3, o Conselho da IOSCO afirmou que a Organização está atuando para garantir que os mercados de capitais continuem funcionando nesse período difícil, de forma aberta e ordenada, e abrangendo todas as classes de ativos negociados.

A IOSCO ressalta que "o funcionamento contínuo dos mercados de ações, crédito e financiamento também apoia os esforços da economia real para lidar com a crise decorrente da pandemia da Covid-19, por meio do acesso a financiamento e da capacidade de oferecer proteção contra riscos”.

Para alcançar esse objetivo, os reguladores de valores mobiliários têm se concentrado “na resiliência operacional e financeira das infraestruturas de mercado, na capacidade operacional dos seus participantes e no fluxo contínuo de informações a ele destinadas”.

Além disso, os reguladores “também estão se valendo da flexibilidade regulatória necessária para garantir que os mercados de capitais globais continuem funcionando adequadamente, enquanto os atuais desafios permanecem”. A IOSCO também reafirmou que a proteção dos investidores é objetivo fundamental seu e de seus membros, em relação ao que se mantêm plenamente comprometidos.

 

Interação e alinhamento

O Conselho da IOSCO e seus comitês regionais vêm mantendo contatos e conferências telefônicas regularmente, a fim de compartilhar informações e coordenar ações, quando necessário. Além disso, estão tomando medidas para resolver problemas decorrentes da pandemia da Covid-19.

Segundo o presidente do Conselho da IOSCO, Ashley Alder, a série crise na saúde está impactando empreendedores e seus funcionários. Ele ressalta ainda que, em momentos como esse, o objetivo fundamental dos mercados financeiros e de capitais é apoiar a economia real.

De acordo com Alder, o Conselho da IOSCO está absolutamente determinado a garantir que os mercados de ações, crédito e de hedge continuem abertos e funcionando neste período difícil. “A IOSCO considera esses mercados vitais para que os empreendedores tenham acesso a financiamento e gerenciem risco, em meio a um período de volatilidade sem precedentes, em todas as classes de ativos”, afirma o documento da Organização.

 

Mais informações

Acesse o material publicado pela IOSCO (link para site externo, em inglês).

Tags: Coronavirus
Voltar ao topo