Comissão de Valores Mobiliários

Você está aqui:

Notícias

Wed May 17 11:44:00 BRT 2017

Nova decisão conjunta entre CVM e Bacen

Criados métodos e rotinas de análise com foco em contratos de derivativos

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e o Banco Central do Brasil (BC) firmaram a Decisão Conjunta nº 19/2017, que traz atualizações sobre o grupo de trabalho (GT) formado para estudar a viabilidade e a conveniência da adoção da liquidação obrigatória por contrapartes centrais de operações realizadas no mercado de derivativos.

O documento informa que o GT estabeleceu metodologias e rotinas para análise da necessidade de determinado tipo de contrato ou grupo de contratos de derivativos ser liquidado por câmara ou prestador de serviço de compensação e de liquidação que assuma a posição de parte contratante. Essas atividades serão incorporadas, a partir da data da decisão, por ambas as instituições em seus respectivos monitoramentos do mercado financeiro e de valores mobiliários.

Além disso, o convênio firmado entre CVM e BC em 2014, que prevê o intercâmbio de informações e cooperação entre as duas entidades, auxiliará nas rotinas de análise mencionadas.

Diante dessas medidas, foi revogada a Decisão Conjunta nº 18/2017.

Acesse o inteiro teor da decisão conjunta.  

Tags: Nota
Voltar ao topo